quinta-feira, 27 de junho de 2013

O Senhor dos Anéis II

As Duas Torres

Coleção: Obras de Tolkien
Páginas: 388

Classificação: 9/10

Sinopse:

No anterior volume desta trilogia, A Irmandade do Anel, o leitor travou conhecimento com alguns estranhos e simpáticos personagens que povoam o mundo que Tolkien construiu: Frodo, Gandalf, Pippin, Aragorn, Boromir, para citar apenas alguns.

Através deles ficou também a conhecer algumas espécies bizarras a viver em terras imaginárias: os hobitts, os orcs, os elfos, os anões. E acompanhou certamente todas as peripécias que se passaram à volta do misterioso anel de que Frodo era possuidor. Os perigos por que passaram para subtrair o anel às mãos cobiçosas dos inimigos, os trabalhos em que se viram envolvidos para conseguir o seu intento culminaram com a fuga e o desaparecimento de Frodo e a dispersão dos seus companheiros.
Esta segunda parte, As Duas Torres, conta o que aconteceu a cada um dos membros da Irmandade do Anel, depois de o grupo se ter desfeito e até ao advento da Grande Escuridão e à eclosão da Guerra do Anel, que será contada na terceira e última parte.

As Duas Torres é o segundo volume da trilogia O Senhor dos Anéis, em que se integram também A Irmandade do Anel e O Regresso do Rei.

Crítica:

Este é sem dúvida um livro a não perder! Acho que posso dizer que nunca li nada como O Senhor dos Anéis! Este é o segundo livro, e na minha opinião é bem melhor do que o terceiro e é isso que eu gosto neste mundo criado por Tolkien, quando a história parece estar a encaminhar-se por bons lados acontece alguma coisa e... tudo muda. Normalmente quando se lê um livro há sempre alguém que diz 'É o personagem principal! Não vai morrer!', a sério, esqueçam isso! Acho que a cada capitulo há alguém que fica sem cabeça, o que é fantástico! 
Eu gostei bastante deste livro, principalmente porque é aqui que começa a batalha, não a guerra, porque a guerra é vivida em toda a trilogia, mas é nesta parte que começa a batalha, reúnem-se as tropas...
Eu, pessoalmente, adora a forma como o autor escreveu os livros. O Senhor dos Anéis, ao contrário do que muitos pensam é constituído por seis livro, três partes, a cada parte correspondem dois livros, e é na II Parte, As Duas Torres, que essa divisão começa a fazer todo o sentido, com a Irmandade do Anel dividida, cada livro conta a história de um dos grupos.
Querem uma discrição completa? Ela aqui está:
A mais importante obra do século XX.
Um filme a não perder.
Um livro que nunca esquecerá.
(Isto está no site da editora e acho que descreve completamente esta obra!)

Sem comentários:

Publicar um comentário