quarta-feira, 16 de abril de 2014

Noé

Russell Crowe interpreta o papel de Noé, num filme inspirado por uma épica história de coragem, sacrifício e esperança. Realizado pelo visionário Darren Aronofsky.



Quem olha para a apresentação deste filme, com um excelente elenco e, à partida, um realizador impecável nunca imaginaria a qualidade do resultado final, que ficou muito abaixo das expectativas. 
Não digo que o filme tenha sido mal pensado, porque não foi, mas principalmente dirigindo-me à parte de efeitos especiais este filme está completamente péssimo.
Contundo a história agarra-nos de alguma forma, faz-nos manter atentos e concentrados, e por vezes não parece mas isso conta bastante para o nível de qualidade do filme. A história da Arca de Noé é conhecida de todos os crentes cristãos e daqueles criados nessa sociedade. As águas do Diluvio são sem sombra de dúvida o melhor que o filme conseguiu em efeitos, tendo em conta de o resto estava uma desilusão. Quanto ao enredo adaptado por Darren Aronofsky começou melhor do que terminou, a introdução no inicio do filme  não passava de satisfatória mas depois melhorou bastante, mas quando as águas inundaram o mundo o filme tornou-se mais calmo e monótono, e foi assim que acabou. No fim, não posso dizer que foi um desperdício ir ao cinema...

Sem comentários:

Publicar um comentário